Tia nervosa antes da formatura do primo



O fato que conto aqui aconteceu uns meses atrás. Tenho 22 anos de idade e sou universitário. Havia muita expectativa e ansiedade por parte dos meus tios que organizavam a festa de formatura do meu primo. Dali a algumas horas haveria a cerimônia de graduação na universidade e no começo da noite, a festa num salão de festas já decorado para a janta e o baile. Estávamos no começo da tarde, onde eu e meus primos ajudávamos a minha tia a organizar os últimos detalhes da festança que aconteceria a noite. Faltava pouco para todos os membros das quase 10 famílias (minha e dos vários outros tios e tias) irmos todos para a universidade assistir a formatura. Na verdade, boa parte já estavam lá, restando alguns poucos ainda no salão onde aconteceria a festa.
Minha tia, naturalmente nervosa, ainda gritava ordens pros vários funcionários da empresa contratada responsável pela festa. Em um dado momento, ainda queria se meter na cozinha para fiscalizar como estavam os quitutes que seriam servidos na festa de logo mais. Fui atrás para tentar convence-la a não se meter mais, visto que ela já estava toda vestida para a formatura e poderia estragar o vestido, caso se metesse com aqueles afazeres. Por um momento a perdi de vista quando por breve instante tive que atender o celular. Quando desliguei e não vi a tia, fui a cozinha e também não a vi lá. De repente todos os demais familiares que já lotavam as vans que iriam a formatura na universidade começariam a reclamar do atraso e, por isso, tinha que achar a tia logo e a arrasta-la para uma das vans. Acabei encontrando a tia num anexo da cozinha, como que fiscalizando os salgadinhos que ali estavam e que iriam ao forno.
O local era afastado do burburinho que já tomava conta do salão. Naquele recinto só estava a tia, quando eu entrei.
“ – Vamos, tia! Se não vamos nos atrasar!”
“ – Está bem! Você pode ir na frente avisar o resto do pessoal que já apareço!”
A tia era uma mulher de seus 50 anos. As várias horas que ela gastou durante a manhã para o penteado, maquiagem, o vestido justíssimo, a deixaram deslumbrante e, ela estava ali sozinha. Olhava pro pedaço de coxa que o vestido não cobria e foi inevitável a lembrança da minha primeira vez aos 17 anos com a tia na casa da praia quando as duas famílias, a minha e a do tio (ela é esposa do irmão da minha mãe) passávamos o veraneio juntas.
Por um minuto ainda insistia para a tia me acompanhar e sairmos dali, mas à medida que a olhava, o pau começou a mexer dentro da cueca e logo me daria conta que ficaria constrangedor para mim sair naquele momento encarar as várias pessoas que estavam no salão. Então, rapidamente decidi: já que a tia teimosamente ainda parecia querer ficar mais alguns minutinhos, então a arrastaria pro banheiro que havia neste anexo.
Eu estava a uns três passos dela e ela estava tão concentrada nos salgadinhos que nem percebeu que eu estava ao seu lado, já me posicionando atrás para encoxa-la, revelando qual era a minha intenção com ela nos minutos seguintes. Que tesão me deu ver o nervosismo dela após a encoxada! Deu um salto pro lado e me olhava fixamente nos olhos: “ – Ah! Não acredito! Você é doido?” “ – Tia! Já que a senhora está atrasando a saída do pessoal que está esperando lá no estacionamento, então vamos gastar nos atrasar fazendo coisa melhor!”, disse enquanto a abraçava pela cintura. “ – Você vai amassar o vestido! Nem pensar!” Mas, eu já estava com uma mão entre as pernas dela, e dois dedos para dentro da sua calcinha. “ – Tia! Larga essa bosta de salgadinhos e vamos logo pro banheiro”, dizia enquanto a conduzia pro banheiro. “ – Vamos, tia! Se apoie aqui na pia, deixa as pernas afastadas que eu faço o resto.”, falei num tom de voz que mostrava a ela que eu estava decidido a prosseguir com o que eu queria. Nem baixei a calcinha. Só pus o pano pro lado, abri o zíper da calça e já pincelando a cabeça do pau na entradinha da boceta da tia Marta. Foi literalmente uma rapidinha e, até temi que não conseguisse por causa da situação, achando que, de repente poderia aparecer alguém e nos flagrar, além da raiva que a tia nem fazia questão de esconder pelo que estava acontecendo. Uns cinco minutos depois, soltei dois puta jatos de porra que ela levaria para a formatura do meu primo. Nos limpamos rapidamente com o papel toalha, e saíamos de lá a passos largos. Passamos por alguns dos funcionários que estavam na cozinha, nos despedindo na corrida, a passos largos em direção ao estacionamento. Em meia hora já estávamos no pátio da universidade, sorridentes tirando fotos com todo mundo, mas ainda hoje quando vejo as fotos, com a tia abraçada no meu primo, com outros familiares, a primeira coisa que me vem à mente é que aquela senhora sorridente e bem produzida nas fotos, estava com a buceta melada. Imaginem o esforço que tive para manter o pau quieto, quando uma das fotos que tirei foi a abraçando com ambos sorrindo para o fotógrafo, kkkkk.

Foto 1 do Conto erotico: Tia nervosa antes da formatura do primo


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario 448044la

448044la Comentou em 16/05/2019

Delícia de conto e foto

foto perfil usuario flamengo21

flamengo21 Comentou em 15/05/2019

que tesão fode uma tia, prima, nossa. VOTADO.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


114773 - Dona Vera, a mãe do meu ex-colega de escola - Categoria: Coroas - Votos: 25
117456 - Coroa no estacionamento - Categoria: Coroas - Votos: 8
130554 - A mãe do dorminhoco - Categoria: Coroas - Votos: 19

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico s.c.c.

Nome do conto:
Tia nervosa antes da formatura do primo

Codigo do conto:
138635

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
14/05/2019

Quant.de Votos:
22

Quant.de Fotos:
1


Online porn video at mobile phone


cristine com negoes contos eroticoscosta [email protected] hotmail.frContos fiquei de pau duro madrastae se hoje fosse amanhã conto erótico contos eroticos a travesti transformou e outra travestiConto erótico minha mulher pensar que me enganasentado no colo papai incesto contosconto padrasto e meu irmaoAjudei uma cega na rua conto eróticover putas porkas com o ku e com as mamas grandes a fuderConto erotico afilhado tara madrinhaconto erótico minha mulher dano para um estranho no cinemasegredos papai e filha contos de incestoler contos de homens estrupando garotos a forçascontos de franco e belinha zooconto erotico contei pra elahttp://contos eroticos esguichei com o pau do meu sobrinho no meu cucomtos bdsmgozando na.maoconto erotico sofri nas mais de dois dotadoshq porno convidando colega de escolacobtos erótico lesbicos com a amiga hetero quadrinhos eroticos a cu-invocantetravestim chupando gravidasconto erótico melineHomem com homem sigilaodp no cu da cunhada conto,conto erotico gay com goianosconto traiçao da esposa intima no presidioconto erotico concunhadauhhhhh nenem que peito enfermeirakomiks porn story cartoon momConto troca troca com travesticonto gozando na fraldasaite porno desfilando nua ou votacao nuacontos eroticos em quadrinho com a madrastacontos de bixinhas safadas peerdendo cabacoquadrinho real porno cornomeu marido cheira as calcinhas da minha mae contos eróticosContos eroticos de garotinha estuprada pelo o capataz da fazenda.Conto erotico de gravidaconto erotico policia e ladraocintia lamark contos eróticoscomi meu maninho brincado d lutinha contosgayconto erótico a tia de fio dental atolado no cu bem pequeno.corno de caminhoneiro contosnao acreditei quando ele disse 23cm conto gaydeichei esfregar e perdi o cabaco contocontos eroticos minha sogra e minha cunhada viram meu pau e trasam comigoconto incesto filho comendo mãe pela primeira vezhimagens porno comedo MaeHQcaminhonheira hetaios simpson em quadrinho sexo gayfodendo a xana da minhq enteada contocontos de filhas dando pros paiscontos eroticos comi minha irma agataconto minha bundona brancaporno guey pai acariciano filho lisinhocomtos erótico novinha pegano carona com canioneirocontos eroticos vivendo uma noite de aventuras com meu primo gato que chupou minha buceta como um loucocontos eroticos beira de estradaconto erotico esposa goatosaconto erotico meu filhoContos eroticos com fotos cheirando calcinhas de meninas na academiaa ressem casada quase virgem e amigo jegue contoconto gay dei pra varioswww.professoracontoerotico.com.brconto erotico com fotos de sogra safada boqueteVideos Gay Sentei na vara do namorado da minha primacontos eróticos lua de mel intensaUltimoscontos2018ce1 14 a grande viagemQudrinhos Eroticos Transando Com Minha Irmaconto erotico minha mim deixado de castigocaiu na net chantagiei e comi a coroa santinhaconto erotico sou muito nova perde aposta e tive que chuparajahentaiconto erótico perdeu o cabaço com desconhecido